2006/11/14

Construção Ilegal em Colares


O Jornal “Público” de ontem dava a notícia da conclusão do processo que, há cerca de 9 anos se arrasta nos tribunais, sobre uma conhecida mansão de Colares :

Construção ilegal em Colares
Ministério do Ambiente manda demolir palacete de ex-autarca de Sintra

O Ministério do Ambiente vai mandar demolir a maior parte de uma enorme construção apalaçada que um antigo presidente da Câmara Municipal de Sintra, João Justino, construiu em Colares.

A decisão de Nunes Correia surge na sequência de um acórdão do Pleno do Supremo Tribunal Administrativo, que pôs fim à batalha judicial desencadeada pelo ex-autarca com o objectivo de anular uma anterior decisão governamental de demolição, datada de 2002.
Ao longo dos últimos 17 anos o empresário construiu tudo o que entendeu no interior da sua Quinta do Pombeiro e defrontou-se com uma dezena de embargos, processos de contra-ordenações e queixas judiciais por desobediência às ordens de embargo.”

Susana

9 comentários:

Anónimo disse...

Era sem tempo que isso acontece-se,pois à pessoas que se julgam protegidas com a lei.

Anónimo disse...

bom dia,boa tarde,

sr vitalino,

gostava de ver fotos do Penedo e da boca da mata (quinta do teixeira marques).Se vocé tiver.
adorei ver todas estas fotos de colares,pois morei ai 19anos.
obrigado.

Anónimo disse...

Sim senhor, já não era sem tempo. Esse senhor construiu o que quis e como quis, qual verdadeiro "Pato Bravo" como já foi apelidado e pensava que ficava impune como sempre.

A Domingos

Isabel Roma disse...

Será que é desta?
Ainda me custa a crer que façam a demolição da casa do sr.Comendador. Se fosse a casa do "manel"...

Anónimo disse...

Ainda há quem acredite no Pai Natal!

Anónimo disse...

Mesmo assim ainda não acredito, só vendo!

Se assim fôr pode ser que seja o começo de uma época, em que alguns se convençam de que são iguais aos demais.

Por isso é que este senhor, a suspeitar desta saída já começou a comprar e oferecer algumas coisas.

coisas essas que neste pais das bananas algumas entidades esperam ansiosamente para sobreviverem (ou não!)

Anónimo disse...

Já não era sem tempo.

Recordo-me de quando começou a construir esta casa e principalmente os muros altos a sua volta ( a tirar a vista aos pobres e a tapar o que estava a fazer )
Pensei que já se tivessem esquecido!Tantos anos passados!
Felizmente faz-se justiça.Não que queira o mal da pessoa em questão pois nem a conheço pessoalmente mas lei é lei seja quem for o interveniente!

Anónimo disse...

Tem, com certeza, uma óptima vista; ainda me lembro como era, quando não existia aquele "muro da vergonha". O homem quis mesmo privacidade e a vista só para ele...!
Quanto a ser demolida, não acredito! Ao menos o muro(!?)

Anónimo disse...

Se ja ha ordem para vir a baixo... qd é q vai acontecer esse situação inedita??