2006/11/04

Curiosidades

Em 4 de Novembro de 1945, o nº. 610 do Jornal de Sintra publicava o seguinte sobre a nossa Freguesia:

Escola das Azenhas do mar


“A escola das Azenhas do Mar, a melhor que temos no concelho e até talvez no país, continua a sofrer os efeitos do tempo.
Os azulejos da sua frontaria vão caindo um a um e se não lhe acodem cairão todos, o que é sintoma de muita negligência e desprezo por um templo que deve merecer o carinho de todos.
O dispêndio é pouco; o que é preciso é um pouco de boa vontade”.

Estrada Azenhas da Mar – Janas



“A estrada que liga as Azenhas do Mar a Janas e que há pouco foi construída por iniciativa de alguns grandes amigos da região, começa a sofrer deterioração pelo muito movimento que tem e pela acção do tempo. Não seria boa altura de a Câmara cuidar a sério dela, de forma a evitar-se que venha a ficar, dentro de pouco tempo, como quase todas as outras que o nosso malfadado concelho tem?”

Cara D'Anjo

4 comentários:

Anónimo disse...

Com a sua moderação de comentários a resposta ficará só para si, mas já me serve: vejo-o tão orgulhoso numa terra que só me dá vontade de chorar. Não sou filho da terra, felizmente, mas desde que lá cheguei conheci o inferno. A mesquinhez das pessoas surpreende-me. E cheguei com esperanças. Agora estou ansioso por poder partir.

Anónimo disse...

Hei, anonymus said, coragem, vejo-o com tanta mágua, a terra não é má as gentes, não acredito!
Por alguém o ter maguado não pode culpar todos.
Coragem e se precisar de ajuda; é só gritar!
Acredite que encontra sempre um alguem a querer ajudar.
Não sou o moderador mas também me sinto orgulhoso da "minha" terra (aliás, das minhas terras - pois também andei por outras paragens - Beiras, alentejos e africas) em todas também, por vezes me senti desalentado mas temos de acreditar, no começo em nós mesmos e em seguida também nos outros.
Saiba que quem frequentou esta escola se deve sentir orgulhoso do que nela aprendeu.

Sempre que quizer desabafar, não se acanhe!

a pensar em tempos melhores!

P Domingos

Isabel Roma disse...

Se o anónimo quer partir...BOA VIAGEM!
Costuma-se dizer que só faz falta quem está. Boas e más pessoas há em todos os lados e se todos tivermos orgulho das nossas terras (onde nascemos e/ou moramos) contribuimos para que essas melhorem e para o envolvimento de toda a comunidade.

Taborda disse...

Mas afinal isto é um consultório sentimental ou um blog?
Chego aqui para fazer um comentário, e está toda a gente a chorar.
Mas o que eu vinha dizer é o seguinte: Repararam que já em 1945 havia a nania das grandezas?
Esta escola é a melhor do conselho e quiça A MELHOR DO PAIS.
Entretanto evoiluimos.
Se fosse hoje, diriamos que era a melhor da Europa, sem o quiça.